3 de out de 2010

Proposta íntima


Sou capaz de tantos prodígios que tu nem desconfias...
Posso ser tua melhor opção, quando assim quiserdes.
Está tudo na minha mão e vontade, tanto quanto nas tuas mesmas.
Basta uma palavra, um olhar teu e viverás a mais tenra felicidade.
Serás a mais amada das amadas.
Tornarás rainha de todos os reinos e terras do meu coração.
Pedirias o Sol e o te entregarias numa candeia.
A Lua cheia numa jóia resplendorosa, para adornar teu pescoço.
E as estrelas trançadas em tecidos sedosos, em vastos vestidos de festa.
Peças, minha rainha, peças...
Rios e mares serão baldeados para banhar-te pelas estações afora.
Todas as flores do mundo para ludibriarem o perfume da tua pele perfeita.
As frutas mais doces na intenção de colherem-te prazeres eternos.
Queira-me e não serei apenas teu mero príncipe encantado.
Serei teu servo e teu senhor, como nos caberá em cada momento apropriado.
Um guerreiro a defender-te das agruras da vida com meu próprio abraço.
Amigo e conselheiro nas bifurcações e travessias da tua vida.
Aquele que te cederá o próprio ar através dos mais tenros beijos.
Dar-te-ei a minha vida e saúde para que vivas pela eternidade, se preciso for.
Sem exageiros, soberba, subestimações, nem fantasias...
Minha felicidade é vê-la feliz.
Ah, se tu soubesses...
Sou capaz de tantos prodígios que tu nem desconfias...

Nenhum comentário:

Postar um comentário