3 de mai de 2011

Beijaria?

Beijaria.
Se beijaria...
Até o limite da respiração,
Até o fim suicida dos ares...
Não pra te silenciar,
Mas pra sentir puramente seu beijo.
E beijaria novamente...
E de novo e de novo,
Novamente beijaria,
Por dias e noites a fio,
Dia e noite, noite e dia,
Te beijaria.

Seria como se através do beijo,
Eu conseguisse ter você enfim.
Beijaria tão incansavelmente,
Que até seu sorriso calaria.
Que suas dores aliviaria,
Suas lágrimas, secaria.
Mesmo que esse beijo me custasse a vida.
Pelo seu gosto, tesouro qualquer valeria.
Se beijaria?
Beijaria...

Nenhum comentário:

Postar um comentário